Saiba como resgatar o desejo sexual

Não se espante se estiver acontecendo com você, pois isso acaba ocorrendo com TODAS as mulheres, em algum momento da vida e em qualquer faixa etária

Ilustrativa

Nossa, como o tempo passa depressa, não é mesmo? Principalmente nestes dias de isolamento social. São tantas coisas para fazer, casa, filhos, trabalho, família, de repente é sexta-feira de novo e você nem percebeu que lá se foi outra semana.

Com tantos afazeres e preocupações, é comum não percebermos há quanto tempo não pensamos em sexo ou não temos vontade de estar em uma atividade sexual. O resultado é cada vez mais nos afastarmos do desejo sexual.

Não se espante se estiver acontecendo com você, pois isso acaba ocorrendo com TODAS as mulheres, em algum momento da vida e em qualquer faixa etária. Pesquisas indicam que 40 % das mulheres não têm nenhum desejo sexual, e a maioria sequer tem consciência desta ausência, principalmente do porquê. Só fique de olho se esse período ultrapassar seis meses, pois já passa a ser tratado como uma disfunção, chamada disfunção do desejo sexual hipoativo.

Por que ele some?
Os motivos da perda do desejo sexual podem estar relacionados a diversos fatores: uma dificuldade momentânea com o trabalho, com a parte financeira ou doenças familiares; de ordem física, como a chegada da menopausa e o uso de remédios contínuos; de ordem emocional, como traumas, bloqueios, abusos e a falta de educação sexual saudável.

Operação resgate
Se você precisa resgatar ou aumentar seu desejo sexual, em primeiro lugar tem de realmente querer, e depois seguir essas recomendações:

Vida saudável: mude para uma alimentação mais saudável, menos industrializada; pratique alguma atividade esportiva, invista nas meditações e nas respirações.

Saúde íntima feminina: consulte seu ginecologista – o problema pode ser causado pelo anticoncepcional -, e peça um controle hormonal. Fale com seu médico. Reveja tratamentos e medicações que possam estar afetando sua libido. Seja sincera com seu médico, diga a ele que você desconfia que tal medicamento que está tomando pode estar interferindo no seu desejo sexual. Saiba que a maioria dos problemas de falta de libido está relacionada ao uso de medicamentos para controle de pressão, peso, depressão, pânico, diabetes. Precisamos avaliar todos esses aspectos da nossa saúde. Resolva bloqueios emocionais: problemas relacionados a sua infância, possíveis abusos, crenças herdadas da mãe e da avó, relacionamentos amorosos mal resolvidos, enfim, existem bloqueios e crenças, dos quais é bem provável que você nem tenha consciência, e que atrapalham muito a vida sexual. Procure ajuda de uma terapeuta sexual. Você merece ter uma vida sexual feliz!

VEJA O VÍDEO SOBRE FALTA DE DESEJO SEXUAL POR MAGA MENEZES

Comentários

WORDPRESS: 0
Já está indo embora :´(
Assine nossa newsletter antes, e receba as noticias de Alphaville e região ; )