Programa de Segurança Alimentar para Idosos é lançado em Barueri

Divulgação2

O Estado de São Paulo possui cerca de 285 mil pessoas com mais de 60 anos e renda inferior a um salário mínimo. É este o cenário desolador que está por trás da criação do Programa de Segurança Alimentar para Idosos (PROSAI), uma iniciativa do Instituto Pharos, que nasceu da soma de esforços de voluntários, inicialmente, de três empresas privadas, movidas pelo objetivo comum de mitigar, em longo prazo, as condições precárias dessa população. O PROSAI iniciou suas ações no dia 23 de setembro, por meio da entrega de doações ao Grupo Vida, de Barueri (SP), que atua na defesa dos direitos e o exercício da cidadania do idoso.

O PROSAI nasce com o objetivo de oferecer condições mínimas para que essa população tenha alguma qualidade vida. Por isso, trabalha com o conceito de segurança alimentar, o que implica no fornecimento de alimentos de qualidade, frescos e saudáveis, e que permitam a estruturação de uma dieta balanceada e permanente aos idosos participantes. Os alimentos e outros produtos de assistência gerontológica serão oferecidos na forma de cestas básicas montadas de acordo com as necessidades do Grupo Vida, sendo entregues pela equipe do Programa, sempre levando em conta questões de saúde, logística e apoio social.

“Identificamos que a rede de suporte social a essa população é praticamente inexistente. Com a pandemia e a consequente perspectiva de que esse processo de deterioração se acelere, percebemos que poderíamos contribuir para a melhora desse cenário oferecendo nossa capacidade de planejamento e busca de soluções viáveis para a questão dos idosos em vulnerabilidade”, explica Letícia Hirosue, voluntária do projeto pelo Instituto Pharos.

Desde que iniciou as ações, já foram entregues mais de uma tonelada de produtos, entre alimentos, produtos de higiene e outros materiais necessários para se manter a qualidade de vida dos mais de 60 idosos do Grupo Vida Brasil.

Nos próximos três anos, o PROSAI almeja expandir sua atuação e alcançar cerca de 10 mil idosos, por meio de distribuições semanais e mensais para ONGs, Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPI) casas de repouso e lares em Barueri, São Paulo e São Bernardo do Campo.

Por se tratar de pessoas que integram o grupo de risco da Covid-19, as entregas seguem os mais rígidos protocolos sanitários.

‘Novo terceiro setor’
O projeto conta, ainda, com a participação de executivos de diferentes áreas, que têm contribuído para inserir a iniciativa em uma nova realidade que começa a se desenhar no tradicional terceiro setor. Por meio da atuação de profissionais de mercado, o PROSAI se destaca por seu planejamento de longo prazo e uma estrutura de voluntariado baseada na expertise das empresas parceiras, e na dedicação de seus colaboradores ao projeto.

“Podemos dizer que atuamos no setor ‘dois e meio’, ou ‘novo terceiro setor’, pois unimos a expertise profissional do segundo setor com a responsabilidade social do terceiro”, explica Caroline Millié Figueiredo, coordenadora do PROSAI. “Temos o envolvimento de profissionais especializados nas áreas logística, de comunicação, de marketing, jurídica e financeira, o que nos permite pensar fora da caixa. Além, é claro, de contar com a parceria de pessoas com envolvimento de longa data em ONGs e entidades sem fins lucrativos”, reforça.

Um exemplo disso é a “adoção” da iniciativa pelo Instituto Pharos, ONG existente desde 2003, que atua na preservação ambiental e na promoção da qualidade de vida, que aderiu à causa dando suporte à iniciativa.

Novos parceiros
Um dos pontos principais do PROSAI é que o projeto já nasceu com a proposta de atrair potenciais parceiros, criando um processo de troca, onde todos se beneficiam. “Podemos dizer que é um joint venture, mas com foco na solidariedade e voluntariado”, explica Eugenio Singer, um dos mentores e iniciadores do PROSAI, e presidente do Instituto Pharos.

“Por exemplo, empresas que não possuem programas sociais ou que desejam contemplar a questão dos idosos podem aderir ao PROSAI, adotando um dos nossos Projetos, que vai trazer benefícios à imagem da empresa e contribuir com o engajamento de seus colaboradores, ao mesmo tempo em que contribui com o Programa”, completa.

Para isso, vêm sendo criados vários projetos a serem adaptados a cada situação ou necessidade dos parceiros, que vão desde apoio ao RH das empresas para adoção de programas de voluntariados até o recebimento do Selo Amigos PROSAI, dado às pessoas e empresas que contribuírem de alguma forma.

Para mais informações, acesse:
http://www.prosai.com.br/
http://www.institutopharos.org.br/new/
http://www.grupovidabrasil.org.br/

Comentários

WORDPRESS: 0
Já está indo embora :´(
Assine nossa newsletter antes, e receba as noticias de Alphaville e região ; )