Dicas para manter a alimentação saudável nas festas infantis

Reprodução/Internet

Quando partimos do princípio de que nossa alimentação é uma verdade e não um martírio, conseguimos mantê-la independente do lugar que estamos. Claro, em alguns lugares é preciso nos organizarmos de alguma forma, mas em outros, basta sabermos escolher o que comer. E assim deve ser também com as crianças. Por isso, hoje trago dicas para manter a alimentação saudável nas festas infantis.

Primeiramente é importante entendermos que todo alimento tem a idade certa para ser introduzida na alimentação do bebê e criança e não é porque estão em uma festa que isso deve ser diferente!

Aqui vão algumas dicas:

  1. Leve o seu filho já alimentado. Isso te ajuda a não ficar feito doida correndo atrás da criança, enquanto ela quer mais é brincar. Além, dela já estar alimentada evitando, assim, que coma muitas besteiras;
  2. Para bebês de 6 meses a 1 ano, levem sempre uma marmitinha do que eles estão acostumados a comer em casa;
  3. Observem o cardápio e selecionem o que é mais “saudável” ou muitas vezes, “menos pior” e ofereçam para os pequenos antes mesmo deles começarem a comer por si só;
  4. O hábito alimentar deve vir de casa, então não adianta surtar na festa! Também não adianta liberar tudo, pois não é porque estão em uma festa que pode tudo! Mantenha sempre sua linha de raciocínio dentro e fora de casa. Até para não confundir a cabeça da criança;
  5. Salgados assados normalmente fazem parte do cardápio, então, se a criança já tiver mais de 1 ano, ofereça esfiha, pão de queijo, mini pizza. Evite, sempre, fritura;
  6. Com atenção, pipoca acaba sendo sempre uma opção bacana. O cuidado deve ser com os engasgos, então, você deve ter segurança no seu filho e estar de olho;
  7. Muitos dos buffets sempre servem milho cozido e independente se ele é enlatado ou de espiga, é uma opção melhor do que um hot dog;
  8. Para beber, suco (caso a criança já tenha mais de 1 ano). Suco e não refrigerante! Caso a criança aceite, a boa e velha água é sempre a melhor opção, mas aí entra aquele lance do equilíbrio de fato, entendem?
  9. Fuja das opções com embutidos: peito de peru, presunto, salsicha, calabresa. Prefira os recheios de carne e frango.

Não aterrorize a criança, como disse, o hábito vem de casa. Explique sempre, fale o que pode e não pode. Não force a experimentar a coxinha ou o doce que está lindo na mesa. Deixe que aos poucos a criança vai descobrindo tudo que é opção que existe na face da terra!

Respire, cante parabéns e divirta-se! Ah e claro, mantenha o equilíbrio de verdade!

Site: www.geracaoprime.com.br | E-mail: contato@geracaoprime.com.br
CRN3: 55355
WhatsApp Consultório: (11) 93414-9809 | @nutri.thalitacardoso

Comentários

WORDPRESS: 0
Já está indo embora :´(
Assine nossa newsletter antes, e receba as noticias de Alphaville e região ; )